Tudo sobre intercâmbio, viagens, cultura e idiomas pela EF Education First.
Menu

Como é um curso de idiomas no exterior durante a COVID-19

Como

Esse ano não está sendo bem como as pessoas imaginaram. Com os desafios sem precedentes decorrentes da COVID-19, todos nós tivemos que se ajustar ao “novo normal”. Mesmo que você tivesse que repensar seus planos esse ano, com as fronteiras reabrindo e com as medidas de proteção a saúde em vigor, é possível retomar a exploração pelo mundo.

Sua jornada pode parecer um pouco diferente da usual, mas com alguns ajustes, você ainda pode embarcar em uma aventura inesquecível.

Aqui está o que você precisa saber sobre um curso de idiomas no exterior durante a COVID-19.

1. Seja flexível

Como em qualquer viagem, planejamento é imprescindível. No entanto, com os locais em constante mudança, se faz importante se manter flexível. Uma vez que você se estabeleceu no destino, mantenha-se em dia com as normas de saúde do local, assim como as de seu país de origem.

Nós estamos pensando em você há 55 anos. Neste verão, nosso pessoal ao redor do mundo colaborou para garantir que os sonhos dos nossos estudantes continuassem se tornando realidade. Dos cursos bem-sucedidos e os camps durante o verão às aulas onlines e as graduações com distanciamento social – nossa flexibilidade e foco na saúde nos ajudou a garantir que o aprendizado não parasse.

2. Preparação antes e durante a viagem

Antes de ir de cabeça na sua viagem, há algumas coisas que você deve considerar e se preparar. Isso vai garantir que a sua jornada seja a mais tranquila possível, para você poder relaxar e curtir o passeio.

Autoverificação

Mais importante, manter os olhos na sua própria saúde. Você teve algum sintoma incomum ou teve contato com alguém que foi infectado por COVID-19? Se sim, permaneça em casa e se você fechou conosco, chegue o mais cedo possível para que possamos ajudar a alterar seus planos. Tenha certeza de fazer o teste de COVID-19 enquanto está em casa, para você apresentar os resultados antes de partir.

Chegue cedo

Chegar no aeroporto um pouco mais cedo que o usual vai garantir que você tenha um tempo para fazer outras coisas. As medidas de distanciamento social fazem com que filas e as verificações se tornem mais longas que antes. Alguns aeroportos e linhas aéreas vão realizar a medição de temperatura em todos os passageiros e a segurança pode ser mais lenta que o usual devido aos novos procedimentos em vigor.

Higienizar, higienizar, higienizar

Tenha o hábito de lavar suas mãos regularmente e sempre manter álcool gel durante seu tempo no aeroporto e enquanto estiver no avião para seu destino. Muitos aeroportos estão bem equipados com áreas de higienização, mas manter lenços desinfetantes com você em sua mala de mão é de grande ajuda para limpeza das mesas, bandejas e os apoios de braço.

Sempre use a máscara facial

Você deve usar a máscara facial durante todo seu tempo no aeroporto e dentro do avião, o que é requisitado em muitas linhas aéreas. Isso garantirá o bem-estar de todos os passageiros, uma vez que nem sempre é possível manter o distanciamento físico durante o voo.

Tenha certeza de que você está levando máscaras faciais suficientes (descartáveis ou reutilizáveis), pelo menos na primeira semana da sua estadia.

Se planeje após o aeroporto

Não deixe as coisas ao acaso. Tenha certeza que você sabe o caminho que você precisa pegar do aeroporto até seu destino final. Planejamento com antecedência também significa evitar horários de pico e rotas lotadas no transporte público.

Se você reservou um transfer com a EF, você pode ter certeza que nossos parceiros estarão com os veículos higienizados e o motorista usará mascará de proteção.

3. Quando você chegar

É muito importante, no seu curso de idiomas no exterior durante a COVID-19, que você siga os conselhos oficiais dados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Não importa para onde você esteja viajando, é importante que você leve determinados detalhes em consideração. Em qualquer destino EF, nossa escola e acomodação estará em conformidade com as regulações locais e com as diretrizes da OMS.

Isso inclui requisitar dos estudantes a apresentação do teste de COVID-19 negativo, máscaras no campus, estações de higienização, maior frequência de limpeza e distanciamento social. Você pode encontrar mais sobre as medidas que teremos nas nossas escolas e ler sobre nossa Garantia de Aprendizagem Segura aqui.

4. Começar em casa

Ansioso para começar as coisas antes de viajar? Há muitas coisas que você pode fazer em casa para dar o pontapé inicial nos seus estudos de idiomas. Por que não começar estudando inglês no conforto do seu sofá? Acrescente com alguns podcasts educacionais de inglês gratuito, canais do YouTube ou clássicos da Netflix e você estará no caminho certo.

Se você quiser aprender Alemão, Espanhol, Francês ou Japonês – existem muitas maneiras de aprimorar seus conhecimentos dentro de casa.

Você pode até se animar para suas viagens por experienciar virtualmente alguns tours antes de partir. Não tem certeza qual o destino dos seus sonhos? Faça uma viagem virtual a redor do mundo via Instagram. As possibilidades são ilimitadas!

5. Olhe adiante

Apesar de como você possa estar se sentindo, isso não durará para sempre. Enquanto é de extrema importância manter sua própria saúde e a dos outros seriamente, também é essencial olhar para as experiências que estão adiante – e realmente há muito o que esperar.

Lembre-se que os cursos de idiomas é mais do que aprender uma língua – é também viver ela. Estudar uma língua no exterior permite você realmente experimentar uma nova cultura e conhecer colegas internacionais para criar memórias com eles.

Há um mundo inteiro lá fora para descobrir e ele vai continuar esperando que você esteja pronto para sair e explorar novamente.

Se você quer fazer um curso de idiomas no exterior durante a COVID-19 e tem alguma outra pergunta ou preocupações, não hesite em nos comunicar.

“Eu decidi ir para o exterior com a EF porque eu simplesmente precisava de uma mudança. Ao mesmo tempo, a pandemia de corona vírus chegou, as viagens longas e as opções de mochilão se tornaram irrelevantes. Eu vim com a ideia que eu poderia ir para a Alemanha e eu finalmente trouxe a escola alemã para minha vida. Estudar durante a pandemia não foi obviamente minha opção, mas eu tive muita ajuda da EF me informando continuamente sobre a situação. A estrada até aqui pode não ter sido a mais usual, mas hoje eu estou feliz, eu estou aqui!”

Camila da Suécia, EF Munique.

Comece a planejar sua aventuraSaiba Mais