Tudo sobre intercâmbio, viagens, cultura e idiomas pela EF Education First.
Menu

Guia completo de como celebrar o Thanksgiving

Guia completo de como celebrar o Thanksgiving

Como um feriado secular sem raízes religiosas, o Dia de Ação de Graças é sem dúvida o feriado mais comemorado nos EUA e pode ser até considerado o jantar mais importante do ano. Mas, para aqueles que viajam ou estudam no exterior nos EUA, celebrar o Thanksgiving, nas quartas quintas-feira do mês de novembro, é totalmente estrangeiro e novo.

Veja o que é e como celebrar o Thanksgiving nos EUA – e mesmo que você não esteja nos Estados Unidos, como pode trazer um pouco da magia do Dia de Ação de Graças para onde quer que você esteja no mundo:

1. O que é celebrado no dia de Ação de Graças?

O Dia de Ação de Graças é feito para celebrar a família e amigos próximos em nossas vidas e também a colheita do outono. No fundo, o feriado tem um profundo senso de gratidão, um dia para “agradecer” (dai vem o nome do feriado).

2. A história do Dia de Ação de Graças

Embora não exista um consenso histórico sobre quando ou onde ocorreu a primeira refeição de ação de graças na América do Norte, a celebração desse feriado é mais comumente citada como originada em 1621 onde localiza-se, atualmente, a cidade de Plymouth, no estado de Massachusetts.

Segundo uma das versões da história, após a chegada do navio Mayflower à costa de Plymouth Rock em 11 de dezembro de 1620, os peregrinos (separatistas britânicos) perderam 46 de seus 102 colonos originais. Mas, com a ajuda dos índios Wampanoag, eles aprenderam a cuidar de suas plantações e a sobreviver ao frio de seu primeiro inverno no Novo Mundo (o continente americano).

O verão de 1621 produziu uma colheita abundante, e para comemorar, um tradicional festival de colheita, que chegava a durar até três dias, foi organizado para comemorar essa colheita bem sucedida.

Embora existam relatos históricos diferentes do número de nativos e peregrinos que realmente compareceram à celebração, a ideia é de que os colonos queriam mostrar sua gratidão aos nativos pela sua grande ajuda, organizando um grande banquete.

Dada a longa e sangrenta história de conflitos e resistência dos nativos americanos para com os colonos europeus, há uma tensão e muita desconfiança em relação a veracidade dessa história.

3. Como celebrar o Thanksgiving?

Agora que você aprendeu um pouco da história do Dia de Ação de Graças, vamos avançar alguns séculos para o Dia de Ação de Graças moderno. Aqui está uma programação de como seria um dia de ação de graças tradicional:

9h – 10h| Assistir ao desfile de Ação de Graças da Macy’s

Ligue a TV para ver uma transmissão ao vivo ou vá para a rua e assista aos balões gigantes de hélio, carros alegóricos e bandas desfilarem pelas ruas da cidade de New York.

10h – 12h | Vá às compras

O Dia de Ação de Graças, como na maioria das férias nos EUA, é um dia de folga ou um dia de meio período de serviço para os funcionários de todo o país. Felizmente, as mercearias costumam ficar abertas durante a primeira metade do dia, por isso, chegue cedo à loja para pegar todos os ingredientes necessários que faltam para começar a cozinhar.

12h – 13h | Assista ao perdão presidencial dos Perus

Sim, você leu certo, todos os anos a partir de meados do século XX, o Presidente dos Estados Unidos tem “perdoado” um ou dois perus no Dia de Ação de Graças, poupando-os, assim, de “irem para a panela”.

Dia todo | Assista futebol americano

Os jogos de futebol americano do dia de ação de graças são uma parte essencial ao celebrar o Thanksgiving. É uma ótima chance de torcer pelo seu time favorito, além de um bom jeito para te distrair da fome e esquecer que você não almoçou. Afinal, você precisará ficar com fome quando chegar a tão aguardada hora do jantar.

Dia todo | Cozinhe, cozinhe e cozinhe sem parar!

Preparar uma refeição adequada para o Dia de Ação de Graças pode levar horas, às vezes até dias, dependendo dos pratos que você está preparando e de quantas pessoas está servindo. Só o peru leva pelo menos uns 20 minutos para cada quilo, somando quase cinco horas de forno no caso dos maiores perus!

18-22: 00 | Coma mais do que você pensava ser humanamente possível

Não deve ser uma surpresa que haja um feriado americano baseado apenas em comer, mas pode ser surpreendente o quanto você pode realmente comer se você se dedicar à isso.

4. Qual o menu do jantar de Ação de Graças?

Peru

Para a maioria das famílias não vegetarianas, o peru é o “carro chefe” na festa de Ação de Graças. Seja assado, defumado, na salmoura ou frito, é uma arte à se criar, a combinação perfeita de pele crocante e carne úmida e macia.

Recheio

Antes de colocar o peru no forno, você deve recheá-lo com pão de milho, cebola, aipo e cranberries secas. Depois de horas cozinhando dentro do peru, o recheio sai deliciosamente úmido e um pouco agridoce.

Molho de cranberry

Agridoce, o molho de cranberry é como chutney indiano. Ele serve para acentuar o gosto saboroso e suculento do peru. Evite suas versões enlatadas, com esta receita fácil do nosso guia de Ação de Graças para iniciantes.

Molho

Depois de tirar o peru do forno, é hora do molho! Ele é feito a partir do suco que sai do peru enquanto ele é assado e que ficou concentrado no fundo da travessa. Esse molho pode ser derramado generosamente em quase todos os pratos e a qualquer momento da refeição do Dia de Ação de Graças.

Purê de batata

Onde mais você colocaria o molho citado acima? Embaixo do molho de carne, o purê de batatas pode ser considerado até o prato mais delicioso do menu do jantar.

Torta de abóbora

Impossível celebrar o Thanksgiving sem a torta de abóbora caseira e doce, que é gratificante por si só. Mas depois de comer tanto peru, a torta pode ser o prato mais difícil para você terminar. Mas não se preocupe! Se você não terminar na janta, sempre haverá o café da manhã de sexta-feira.

Falando em sobras, o banquete de Ação de Graças não termina na quinta-feira à noite. Com tanta comida, você vai comer sanduíches, burritos e travessas de peru pelo resto do fim de semana.

5. Black Friday e Cyber Monday

Depois de enlouquecer no Dia de Ação de Graças na quinta-feira, é hora de se fazer de bobo novamente e entrar na onda da Black Friday. Visto como um começo não oficial da temporada de compras natalinas, a Black Friday é famosa nos EUA por descontos enormes e histeria geral, pois as pessoas correm de uma loja para a outra em busca das melhores ofertas.

Felizmente para aqueles que não gostam de multidões, a Cyber Monday foi inventada como o equivalente dia de compras, no entanto ela é online e acontece na segunda-feira seguinte – e cada vez mais, vem se tornando uma febre mundial, assim como a Black Friday.

Embora tudo isso possa parecer muita coisa para se fazer, comer e comprar durante o seu primeiro Dia de Ação de Graças nos EUA, é importante lembrar qual é a intenção original do feriado: agradecer. Ao se reunir com amigos e familiares, o Dia de Ação de Graças nos une e nos ajuda a lembrar desse momento, há quase 400 anos, quando duas culturas muito diferentes se uniram para agradecer e desfrutar de um banquete de colheita.

Onde você quer passar o Thanksgiving?Escolha seu destino

Compartilhe esse artigo

Artigos recentes de Cultura