Tudo sobre intercâmbio, viagens, cultura e idiomas pela EF Education First.
Menu

10 coisas que você deveria saber antes de se mudar para Vancouver

10

Com vários de nós sonhando em mudar de cenário atualmente, este é um ótimo momento para começar a pesquisar e planejar com antecedência viagens mais longas ou aquela grande mudança que você sempre quis.

Esta linda cidade canadense é perfeita para a alma. Transbordando natureza e atividades culturais, Vancouver é um ímã para viajantes e especialistas do mundo todo. Já está decidido desta viagem? Aqui estão 10 coisas que você deveria saber antes de se mudar para Vancouver.

1. Energia de cidade nova

Apesar de não ter prédios antigos como os de Roma ou uma linha cultural como Paris ou Madri, Vancouver esbanja uma atitude jovem e positiva. Aqui, as pessoas tentam coisas novas; sejam elas relacionadas a negócios, comidas, ideias, ou experiências em geral. E essa é uma energia que você achará atrativa.

2. Aplicativos de carros

Não pretende comprar um carro? Em Vancouver, isso não é um problema. Baixe os aplicativos Evo or Car2Go para alugar um carro, pagando pela hora. Há uma pequena taxa para se cadastrar, mas depois disso você paga pelo que usa. Para manter-se na legalidade, lembre-se que depois de 90 dias vivendo em Vancouver você terá que mudar sua habilitação de motorista para uma habilitação canadense.

3. Transporte Público

Quem não dirige também terá facilidade em locomover-se. Existem os veículos leves sobre trilhos da SkyTran e os ônibus – você precisará de um cartão Compass para andar neles. Lembre-se bater o cartão na saída dos trens. Contudo, também é fácil pedalar: com mais de 800 milhas de ciclovias, Vancouver é a melhor cidade da América do Norte para ciclistas.

4. Inclusiva

O povo de Vancouver é extremamente aberto a diferentes origens e escolhas. Na verdade, é uma das cidades mais amigáveis ao público LGBTQ+ no planeta, com as maiores paradas gay do mundo. Para melhorar ainda mais, Vancouver é muito multicultural – 52% da população não tem o inglês como primeira língua, e eles até dizem que é a cidade mais asiática fora da Ásia.

5. Ótimo equilíbrio entre vida social e profissional

Essa cidade é um polo, pequeno em tamanho, mas que ainda possui entretenimento ao estilo de cidade grande com sua vida noturna, bares e cultura gastronômica. Você sempre encontrará eventos e novas atividades para não ter aquele sentimento de “o que eu deveria fazer depois do trabalho hoje?”. Você provavelmente nunca mais terá que se perguntar isso!

6. Gorjetas

Dependendo de onde você vem, você pode achar a cultura da gorjeta um pouco estranha. Contudo, é rápido de se acostumar. Dê a gorjeta padrão de 10-20% pagando com o cartão ao adicioná-la antes de colocar sua senha. Além disso, se você está procurando por um emprego de meio período para te sustentar em sua chegada à Vancouver, lembre-se que empregos na área de prestação de serviços, apesar de não serem os que mais pagam por hora, garantem ótimas gorjetas.

7. Hockey no gelo

Entre no espírito do esporte mais famoso do Canadá ao apoiar o Vancouver Canucks e o Vancouver Giants, a maior equipe júnior. Hockey no gelo é super rápido e super atlético: você não vai acreditar como os jogadores são capazes de se moverem tão rápido. E se você foi picado pelo mosquito da patinação, você está no lugar certo. Vancouver tem oito pistas de gelo para você praticar seu hockey ou sua habilidade geral de patinação.

8. Perto dos EUA

Se Vancouver é sua base domiciliar, você será, em grande parte, excluído do resto do Canadá. Calgary é, na verdade, a cidade razoavelmente grande mais próxima a 8 horas de distância. Você provavelmente verá mais dos Estados Unidos de qualquer forma: o lindo estado de Washington faz fronteira com o Canadá, estando Seattle a apenas três horas de distância, e Oregon, incluindo sua principal cidade Portland, apenas um pouco mais longe).

9. Aluguéis

Apartamentos geralmente começam seu período de aluguel no primeiro ou décimo quinto dia de cada mês, então você precisa procurar acomodação com antecedência da sua chegada. Você provavelmente irá assinar um aluguel de no mínimo 6-12 meses e precisará procurar mobília (apartamentos mobiliados não são necessariamente a norma). Sobre pagamentos a longo prazo, lembre-se que seus depósitos de garantia não podem ser mais que metade do aluguel do primeiro mês.

10. Tenha um cartão BCID

Pensando em se mudar para Vancouver ou ficar na cidade por mais de seis meses? O cartão de identidade da Columbia Britânica irá te poupar do trabalho de preocupar-se em manter seu passaporte e/ou identidade internacional seguros durante suas noitadas. Ao invés de utilizá-los, use seu BCID em pubs e baladas. Ele é visto como uma identidade do governo, então você também pode usá-lo para abrir uma conta bancária (apesar de não ser a única maneira de fazer isso). Você precisará de sua permissão para trabalhar ou estudar, passaporte, e outro documento com foto (como sua habilitação de motorista) para obter o seu cartão BCID.

Conheça Vancouver com a EFSaiba Mais