Tudo sobre intercâmbio, viagens, cultura e idiomas pela EF Education First.
Menu

10 razões para amar o Canadá (e ir para lá esse ano)

Todo mundo ama o Canadá. Talvez seja sua natureza de tirar o fôlego ou as cidades com clima amigável, incluindo Toronto e Vancouver, ou talvez a humildade, humor e generosidade das pessoas locais. Os canadenses não são somente amigáveis como também conseguem transformar tudo em um pergunta (adicionando “eh?” no final de toda frase), fazendo com que começar uma conversa com eles seja particularmente fácil.

Aqui estão nossas 10 razões para amar o Canadá e viajar para lá ainda esse ano (ou qualquer outro). Preparado para o teu intercâmbio?

1. MAPLE SYRUP – COLOQUE ISSO EM TUDO

Maple Syrup (ou xarope de bordo) é um dos fenômenos mais gloriosos e deliciosos da natureza. Toda primavera, os canadenses embarcam em uma tradição chamada “tapping”, quando as árvores de bordo são selecionadas e equipadas com pequenos tubos inserido sem seus troncos. Conforme as árvores vão descongelando do inverno canadense, sua seiva aumenta e escapa pelos drenos, sendo coletada em baldes pendurados nas próprias árvores. Depois disso, eles cozinham a seiva, reduzindo-a ao doce e frutado maple syrup que todos nós conhecemos e amamos. É preciso mais ou menos 40 litros de seiva para produzir um litro de xarope. Isso é muita seiva e uma grande razão pela qual os canadenses tratam o doce e dourado néctar com tanta afeição. Eles colocam o xarope em waffles, bacon, carne, frango, ovos, salada e praticamente tudo em que eles colocam a mão.

2. POUTINE – UMA INSTITUIÇÃO NACIONAL

Ande por qualquer rua em Montreal e você não terá dificuldade de encontrar alguém devorando um prato de poutine. O prato super calórico e “entupidor de artérias” é composto por batatas fritas cobertas com coalhada de queijo e regadas com molho de carne. O poutine não é somente delicioso, como também uma instituição social disponível em qualquer lugar desde de cinemas até restaurante gourmets. Quer soar como um local? Lembre-se de, quando for pedir, pronunciar “poo-tin” e não “poo-teen.”

3. BELEZAS NATURAIS – POR TODOS OS CANTOS

Sendo o 2º maior país do mundo, o Canadá tem dedicado uma porção significativa de suas terras à conservação. Com mais de 40 parques nacionais e reservas, cobrindo 300.000 quilômetros quadrados, há mais lagos, rios, montanhas, florestas glaciais e costa do que você já mais será capaz de imaginar. ever have the time to explore (.)

4. LAZER AO AR LIVRE – PARAÍSO PARA OS APAIXONADOS POR NATUREZA

Esportes ao ar livre como ski, caminhada, pedalada ou escalada são partes integrais da identidade do Canadá. No topo da lista da BBC das melhores cidades para aventuras ao a livre está Vancouver. Localizada a 115 km do resort Whistler-Blackomb, a uma curta viagem da escalada épica em Squamish coberta por uma rede de trilhas de mountain biking, Vancouver é um dos melhores lugares no mundo para se relacionar com a natureza enquanto se diverte bastante.

5. DIVERSIDADE – ESTÁ NO DNA

Quando se pensa em Canadá, muitos imaginam um lenhador (caucasiano) cortando árvores na floresta. Na verdade, essa imagem não poderia estar mais longe da verdade. O Canadá é um dos 20 países que apresentam a maior diversidade no mundo, muito a frente dos Estados Unidos e do Reino Unido. Um estudo recente mostrou que um quinto da população total canadense nasceu em outro país – a maior proporção dos países do G8. Além disso, com duas línguas nacionais, Inglês e Francês, e uma alta porcentagem de residentes estrangeiros, o bilinguismo na Canadá é de 17,5%. Em Toronto – recentemente declarada a cidade mais diversificada pela Radio BBC – mais de 140 línguas são faladas e quase 51% da população nasceu fora do Canadá.

6. SIMPATIA – ESTÁ NA ÁGUA

Fique parado nas ruas de qualquer cidade canadense com um mapa na mão e você poderá contar com a ajuda de qualquer pessoa. Os canadense REALMENTE são legais assim. Agora, enquanto não há nenhuma evidência empírica que estude a simpatia canadense, estudos revelam que os locais geralmente usam “palavras amenizadoras” como “pode ser” e “não tão ruim” para reduzir a tensão quando discutem tópicos controversos ou potencialmente ofensivos. Oh, eu mencionei que ele não buzinam no trânsito e tendem a pedir desculpas pro qualquer que seja a transgressão? Talvez seja alguma coisa na água (que é deliciosa diretamente da torneira)… ou talvez os canadenses sejam realmento legais.

7. HOCKEY – NASCIDO E CRIADO

É um pouco estranho que as pessoas conhecidas por serem tão amigáveis poderiam ser tão obcecadas com um esporte tão brutal como o hockey. E de novo, talvez faça sentido… a raiva tem que ir para algum lugar, certo? Para os canadenses, o hockey é uma paixão nacional que encobre qualquer faceta da vida. É o sangue vital de qualquer comunidade pequena e a razão para juntar adultos e crianças. As crianças crescem com patins nos pés e tacos nas mãos. Uma cena de hockey é até mesmo representada na nota de cinco dólares canadenses. Ah, e os homens do time nacional são lendários, assim como as mulheres: o time masculino ganhou nove malhas olímpicas no total – a maior quantidade do mundo – enquanto o time feminino tem dominado as últimas 4 Olimpíadas, ganhado ouro em cada uma delas.

8. TRAILER PARK BOYS – EXPORTAÇÃO #1 CANADENSE

Enquanto o Canadá é o maior exportador de maple syrup, seu segundo maior produto de exportação é (na minha humilde opinião) o famoso programa de televisão Trailer Park Boys. Cheio de grosserias e humor politicamente incorreto, o “mockumentário”, que começou em 2001, conta as desventuras de um grupo de moradores de um parque de trailers que procuram a próxima oportunidade de fazerem dinheiro. Assista antes da sua visita e aproveite a perspectiva hilária da vida no Canadá (não representando a população no geral, claro).

9. PIZZA HAVAIANA – A ÚNICA COISA CONTROVERSA SOBRE O CANADÁ

Frutas combinam com pizza? Faça essa pergunta em qualquer festa e as respostas serão inevitavelmente e fortemente divididas entre “sim” e “não”. Não há meio termo quando se trata de frutas na pizza, ou mais especificamente, a que vai na famosa “Pizza Havaiana”: abacaxi. O debate recentemente chegou à esfera política quando o presidente da Islândia, Guðni Th. Jóhannesson, faz um chamado para banir o abacaxi como cobertura de pizza. Então, como tudo isso começou? Bem, infelizmente para os havaianos, os créditos dessa pizza vão para Sam Ponopoulos, um imigrante grego, que a criou com molho de tomate, bacon canadense, abacaxi e queijo muçarela em 1962. O resto é história (controversa).

10. BUNNY HUG – A COISA MAIS FOFA SOBRE O CANADÁ

A última coisa e talvez a mais amável sobre o Canadá vem da província de Saskatchewan. Lá, um moletom com capuz é chamado de “bunny hug” (ou “abraço de coelho”). Sério? Isso não é a coisa mais fofa?

Uma razão bônus para ir esse ano? O Canadá celebra seu 150º aniversário e o país estará com um ambiente ainda mais festivo e amigável do que o normal. Não tem melhor época do que agora.

Faça intercâmbio com a EFIntercâmbio no Canadá

Compartilhe esse artigo

Artigos recentes de Viagem

Como viver como um local no exterior