Insights sobre o aprendizado de idiomas nas empresas

Por que suas estratégias de treinamento e desenvolvimento precisam de coordenação global?

Este é um dilema comum nas empresas internacionais: como você divide as responsabilidades entre a sua função central e as equipes regionais?

Quando se trata de estratégia de treinamento e desenvolvimento de funcionários, muitas organizações optam por um modelo descentralizado, dando muita autonomia aos líderes das equipes regionais. Isso vem com certas vantagens, é claro, mas quando se trata de treinamento corporativo de idiomas, você deve considerar mudar sua estratégia de treinamento, pois pode não estar ciente da escala de ineficiência que uma estrutura localizada pode criar.

Veja o que normalmente acontece: você tem um funcionário estrela, vamos chamá-lo de Tom.

Tom está realmente gerando muitos negócios; ele é um especialista em sua área, respeitado por todos e um líder fantástico. Seu rápido progresso na carreira fez com que ele fosse cada vez mais cogitado a dividir melhores práticas com colegas em diferentes países e ele desempenha um papel fundamental na coordenação da comunicação entre as diferentes funções do negócio; algo que somente alguém com sua experiência poderia fazer.

O problema é que ninguém entende Tom. Enquanto ele estava focado em conseguir evoluir rapidamente na carreira, deixou os estudos de Inglês em segundo plano. Isso não apenas impede que ele se comunique efetivamente sua visão de especialista, mas seus colegas de outros países temem que suas mensagens não sejam compreendidas por ele. Neste grupo internacional de trabalho são constantes os mal-entendidos e conflitos de comunicação, desperdiçando o tempo de todos.

Então, para resolver o problema e ajudar Tom a atingir todo o seu potencial, você procura por um curso de inglês para negócios. Você faz sua pesquisa, encontra o caminho certo e faz com que este acordo seja assinado por todas as pessoas certas. Esse processo leva alguns meses, a atenção de algumas pessoas e, em seguida, Tom – finalmente – começa seu curso de treinamento de Inglês.

Isso soa familiar? Isso também poderia estar acontecendo na sua empresa? É provável que as diferentes áreas da sua empresa tenham passado por este mesmo demorado processo. E você, provavelmente, fará isso novamente quando o próximo Tom aparecer. E todos esses Toms continuarão a trabalhar de forma ineficiente enquanto o processo de estruturação acontece.

Em cenários como esse, um sistema simplificado e centralizado poderia proporcionar economias de escala significativas. Sua organização pesquisaria, classificaria e escolheria um fornecedor, para isso, confira essas dez dicas para escolher o fornecedor certo. O processo de aprovação acontece uma vez. E, uma vez estruturado, os funcionários em todo o mundo podem começar o treinamento assim que precisarem, permitindo que alcancem seu potencial máximo muito antes.

Cada organização é diferente, por isso não há uma solução única para esse problema. Mas os fornecedores de treinamento em idiomas devem atuar como consultores antes da implementação; Eles devem ser capazes de ajudá-lo a entender suas necessidades de negócios, sugerir um programa adequado para sua organização global e mudar sua estratégia para melhor. Um software de treinamento de idiomas não pode fazer isso, nem mesmo uma escola on-line de alta tecnologia. Não por conta própria ou de qualquer maneira. Uma estratégia de treinamento em idiomas bem-sucedida é sempre apoiada por uma abordagem consultiva com a experiência de uma empresa que já fez isso muitas vezes antes.

Sua equipe pode ter melhor desempenho?Descubra mais

Compartilhe esse artigo